SEGMENTOS

O PSB está consolidando a organização de seis grandes segmentos de lutas em Santa Catarina. São eles os segmentos de Juventude, LGBT, MPS, Mulheres, Negritude e Sindical.

 

Esses movimentos já existiam no partido, mas, a partir do Congresso Estadual realizado no mês de março, foram eleitas suas novas equipes de coordenação e, a partir daí, criadas agendas de trabalho de maneira mais sistematizada.

 

A consolidação da organização destes segmentos aponta algumas das principais bandeiras que o partido defenderá já nas eleições de 2022.

 

Conheça um pouco mais de cada uma delas:

 

O PSB SC enxerga a Juventude como protagonista para a construção de partido, sociedade e nação. E incentiva que ela tenha participação ativa no movimento estudantil, em grêmios, em centros acadêmicos, além de outros espaços onde a juventude está presente, como coletivos de esporte, bandas, empresas júnior etc. A Juventude do PSB luta pela ampliação de sua participação na política, pelo compromisso com o desenvolvimento sustentável, pela universalização do ensino médio e a garantia de investimentos em educação e ciência, pelo fortalecimento das políticas afirmativas, entre outras pautas ligadas aos direitos e defesa da Juventude.

 

O segmento LGBT tem compromisso com o respeito à diversidade e tem como bandeira principal a defesa irrestrita dos direitos humanos, visando a participação geral e a identificação da comunidade com o Socialismo Democrático. O segmento ajuda na construção de propostas que possam ser transformar em leis e ações afirmativas em defesa da comunidade LGBT, sempre observando os princípios do Estado Democrático de Direito e a garantia de total liberdade de expressão do sagrado em um Estado Laico.

 

O Movimento Popular Socialista, ou MPS, articula a militância socialista que participa de Movimentos Sociais e de lutas de massa. Esse segmento busca fortalecer o engajamento nas disputas por Reforma Urbana e na construção de Cidades Inclusivas. Também estimula a participação da militância em espaços de Conselhos da luta política comunitária, da luta pela preservação de áreas de proteção ambiental, pela erradicação das condições de miserabilidade pela qual passa a população catarinense no que tange a saneamento básico, habitação, regularização fundiária, entre outras demandas.

 

A luta pela ocupação de Mulheres em espaços de poder, o fim das diversas formas de violências contra a Mulher, a atenção e cuidado com sua saúde, a busca pela igualdade de gênero no campo do trabalho e o reconhecimento da importância do papel da Mulher na sociedade são pautas do segmento de Mulheres do PSB catarinense. O segmento também trabalha na formação política, no empoderamento e na busca incansável para que as mulheres tenham seu espaço respeitado na política de Santa Catarina.

 

O segmento Negritude é um instrumento político no PSC SC dos/das afrodescendentes, na luta permanente por liberdade, justiça, respeito, igualdade e qualidade de vida, utilizando as práticas socialistas e democráticas. Este segmento atua na promoção de políticas públicas de igualdade racial, combate às diferenças, ao preconceito, à discriminação e na busca incansável por liberdade, justiça, inclusão social e igualdade de oportunidades, sem qualquer distinção.

 

Por fim, e não menos importante, O Sindicalismo Socialista Brasileiro (SSB) é um órgão de representação do PSB que reúne, de forma estruturada, militantes do partido ligados à causa sindical e à defesa dos direitos da classe trabalhadora. O movimento é aberto a filiados e filiadas e tem como objetivos formular e promover a política do PSB para o movimento sindical, promover formação política de seus membros, entre outros.

 

Agora que você já conhece os seis segmentos que compõem o PSB Santa Catarina, venha somar conosco nas lutas que você mais se identifica!